Searching...

Entity

= Ultimate Parent

Obligor
Analyst
Location
ISIN
CUSIP

Fitch Brasil

Global Home > Fitch Brasil

Perspectiva Fitch Ratings 2019 - Energia Elétrica no Brasil

De acordo com o analista sênior Wellington Senter, a expectativa para o setor é de manutenção de níveis de alavancagem e liquidez  em patamares adequados  aos ratings.  "O esperado aumento do consumo de energia em 2019 deve favorecer os fluxos de caixa operacionais, ainda que o FCF seja pressionado pelos relevantes investimentos esperados. Riscos de refinanciamento devem se manter baixos, beneficiados por um ambiente de captação favorável após o período eleitoral.”

Perspectiva Fitch Ratings 2019: Seguros no Brasil

"A Fitch prevê um ambiente operacional favorável  à manutenção do atualmente  sólido perfil de crédito do setor brasileiro de seguros. A redução das incertezas políticas após as eleições de 2018 e a recuperação econômica devem contribuir  para o crescimento dos prêmios, mas é improvável que a receita financeirase recupere significativamente", afirma no relatório a diretora Esin Celasun.

Fitch Atribui Rating ‘AA(bra)’ à Proposta de 2ª Emissão de Debêntures do Pardini

Os recursos serão utilizados para reperfilamento de dívidas da emissora, incluindo a liquidação integral antecipada da primeira emissão de debêntures. A Fitch avalia o Pardini com o Rating Nacional de Longo Prazo ‘AA(bra)’, Perspectiva Estável. 

Perspectiva Fitch Ratings 2019: Celulose, Papel e Produtos Florestais na America Latina

Em relatório publicado, a diretora Fernanda Rezende afirma que a Fitch espera  a continuação  do  positivo ambiente operacional do setor de celulose, papel e produtos florestais na América Latina em 2019, uma vez que a dinâmica da demanda e  a  ausência  de  novos  projetos  devem sustentar  os elevados preços de celulose e a robusta geração de fluxo de caixa.

Vice-Presidência de Administração e Gestão de Ativos de Terceiros - VIART

O rating considera apenas as atividades da gestora no mercado local, incluindo a carteira administrada dos recursos livres  do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço  (FGTS) e excluindo a gestão de fundos  estruturados, como os fundos de investimento em direitos creditórios (FIDCs) e os fundos de investimento em participações (FIPs), que têm processos e políticas próprios e são segregados da gestão de fundos tradicionais.

Saneamento Ambiental Águas do Brasil S.A.

O  perfil  de  crédito  da  Saab  é  beneficiado  pela  força  de  sua  diversificada  carteira  de  concessões  de  saneamento  básico, cujasprevisibilidade e resiliência das receitas e da geração operacional de caixa a médio e longo prazos são superiores às de outras indústrias. A Fitch considera positivoo fato de as principais concessões já se encontrarem em um estágio maduro e com elevados índices de cobertura dos serviços prestados de fornecimento de água e de coleta e tratamento de esgoto. Isso gera menores pressões de investimento sobre o fluxo de caixa livre (FCF), que deve ficar positivo a partir de 2019.

Panorama de Gestão de Recursos no Brasil: 3T18

Após o forte resgate mensal de recursos em junho (BRL26 bihões), o maior desde 2008, a indústria brasileira de gestão de  recursos retomou os fluxos positivos no terceirotrimestre de 2018 (BRL25 bilhões,  sendo  BRL7  bilhões  em  setembro), segundo  a Associação  Brasileira  das  Entidades  dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).O acumulado no ano soma BRL71 bilhões.Os fundos de  renda  fixa foram  o  destaque, com  captação  líquida  de  BRL15  bilhões  no  trimestre,  refletindo  a cautela  dos  investidores,  decorrente  da  forte  volatilidade  provocada  pelas  incertezas  do  cenário econômico  e  político.

Fitch Publica Metodologia Para Recebíveis Imobiliários Comerciais no Brasil

O relatório esclarece as principais diferenças entre operações estruturadas comerciais na América Latina, com foco no Brasil, e nos EUA, especificando os parâmetros de cobertura e alavancagem utilizados em cada categoria de rating em escala nacional.

Fitch Classifica em ‘BBB-’ Proposta de Reabertura de Notas da Suzano

Os recursos desta proposta de reabertura de notas, que deve totalizar USD500 milhões, serão utilizados para alongar o cronograma de amortização da companhia. Atualmente, a Fitch classifica a Suzano com os IDRs (Issuer Default Ratings – Ratings de Probabilidade de Inadimplência do Emissor) em Moedas Estrangeira e Local ‘BBB-’ (BBB menos), com Perspectiva Estável.

Fitch Afirma Ratings ‘BBB-’/‘AAA(bra)’ da Braskem; Perspectiva Estável

Os ratings refletem a liderança da empresa no setor petroquímico latino-americano, um robusto perfil de negócios, decorrente de sua diversificação geográfica e de matérias-primas, e seu forte histórico de geração de FCF.

Ajustes na Política Federal Serão Fundamentais Para Estados Brasileiros

As eleições de outubro marcam uma significativa mudança política no Brasil, com grandes diferenças na Presidência, no Congresso Nacional e nos governos estaduais. A direção da política econômica e fiscal do novo governo e sua capacidade de aprovar reformas estruturais afetarão diretamente os perfis de crédito dos estados, afirma a Fitch Ratings. Em particular, permanecem as incertezas sobre a reforma da previdência, a consolidação fiscal e a intervenção federal direta nos estados.

Fitch Afirma Ratings de Quatro Bancos Ligados a Montadoras

A Fitch Ratings afirmou, hoje, os ratings dos seguintes bancos brasileiros de médio porte ligados a montadoras: Banco CNH Industrial Capital S.A. (BCNHI), Banco Fidis S.A. (Fidis), Banco GMAC S.A. (GMAC) e Banco Mercedes-Benz do Brasil S.A (Mercedes).

Fitch Afirma Ratings ‘BB-’/‘A(bra)’ da Minerva; Perspectiva Estável

Os ratings da Minerva refletem a sólida rentabilidade da companhia, a forte posição no mercado externo e a confortável liquidez. Também refletem as expectativas da Fitch de melhora do perfil de crédito da companhia, devido ao previsto aumento de capital de BRL1 bilhão e ao plano de abrir o capital de suas subsidiárias estrangeiras no início de 2019.

Fitch Eleva Rating da Somos Para ‘AA+(bra)’ e Afirma Rating ‘AA+(bra)’ da Kroton

As ações de rating refletem a conclusão do processo de aquisição da Somos pela Kroton, com o fortalecimento do perfil de negócios de ambas as companhias, em bases combinadas, que resultou na criação da maior empresa de educação do país.

Fitch Atribui Rating ‘AAA(bra)’ à 1ª Emissão de Debêntures da Serras Holding S.A.

O rating reflete o status operacional dos projetos do complexo eólico Serras, composto por cinco Sociedades de Propósito Específico (SPEs) no Rio Grande do Norte, e a existência de satisfatório estudo de ventos. Também considera as características dos contratos de compra e venda de energia (Power Purchase Agreements – PPAs) de vinte anos nos Leilões de Energia de Reserva (LER), com preços fixos anualmente ajustados pela inflação e sem exposição ao preço de liquidação de diferenças (PLD).

Fitch Afirma Rating ‘A(bra)’ da Smartfit; Perspectiva Revisada Para Positiva

A revisão da Perspectiva para Positiva reflete o fortalecimento no perfil de negócios da Smartfit após a consolidação das operações da América Latina, que inclui uma relevante rede de academias no México, além de Chile e Colômbia, combinada à expectativa da Fitch de que a companhia continuará fortalecendo sua geração operacional de caixa de forma consistente nos próximos anos.

Fraca Demanda Indica Recuperação Tímida do Varejo

Para  a Fitch,  as  empresas  brasileiras  do  setor  varejista  continuarão enfrentando um ambiente de negócios desafiador ao longo de 2018. A retomada do consumo, que animou o setor ao  final  de  2017,  após  um  período  de  profunda  recessão, ainda não  se mostrou  sustentável e na  intensidade esperada. Leia o relatório completo

Fitch Afirma Ratings 'BB'/'AAA(bra)' da MRS

A Fitch Ratings afirmou os IDRs (Issuer Default Ratings - Ratings de Probabilidade de Inadimplência do Emissor) de Longo Prazo em Moeda Estrangeira 'BB', e em Moeda Local 'BBB-' (BBB menos) da MRS Logística S.A. (MRS). Ao mesmo tempo, a agência afirmou o Rating Nacional de Longo Prazo 'AAA(bra)' da companhia e de seus BRL 400 milhões em debêntures sem garantias, com vencimento em 2022. A Perspectiva dos Ratings corporativos é Estável.

XP Investimentos S.A

A Fitch Ratings publicou os Ratings Nacionais de Longo e de Curto Prazos da XP Investimentos S.A. (XPI) em 17 de setembro de 2018. A Perspectiva do Rating Nacional  de  Longo  Prazo  da  XPI  é  Estável.  Na  mesma  data,a  agência  atribuiu  o  Rating Nacional de Longo Prazo ‘AA(bra)’ à proposta de emissão de debêntures da empresa.

Estatísticas das Incorporadoras Brasileiras - Contínuos Desafios para a Recuperação do Ambiente de Negócios

A Fitch acredita que um ambiente de negócios mais favorável para  as  incorporadoras  brasileiras em  2019 permanece incerto  e  está  fortemente vinculado  ao cenário  econômico  do Brasil após as eleições. Alguns fatores-chave para a indústria apresentaram avanços em 2018, como as taxas de juros e de inflação—que se reduziram de forma significativa —, mas outros, como os índices de desemprego e de confiança do consumidor, ainda indicam uma recuperação econômica mais lenta do que a inicialmente esperada.

Reag Gestora de Recursos Ltda.

O  rating  considera  a  evolução  da  estrutura  da ReagGestora  de Recursos   Ltda. (Reag),   caracterizada   por   adequada   segregação   entre   as   áreas   de   investimento   e   de controles/suporte  e  pela  contratação  de  uma  equipe  de  compliance  no  final  de  2017. Leia o relatório completo

Município de São Paulo

A  afirmação  dos  ratings  do  Município  de  São  Paulo  se baseia em sua capacidade de gerar margens operacionais de acordo com as expectativas da FitchRatings. Os  ratings  consideram o  fato  de São  Paulo ser  a cidade  mais  rica  do  Brasil, responsável por aproximadamente 10% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, e ter moderada autonomia  fiscal,  uma  vez  que  a  receita  própria representou,  em média, 54%  da  receita operacional nos últimos cinco anos.

Embraer S.A.

Os ratings da Embraer S.A. refletem sua posição competitiva nos mercados de jatos comerciais e executivos; a ampla carteira de pedidos firmes (backlog), de USD17,4 bilhões, que cobre vários anos de vendas; diversos programas de defesa promissores; e o ambiente favorável, em geral, da indústria de aviação comercial.

Podcast: O Atual Cenário Político e os Bancos Públicos Brasileiros

O atual cenário político causa dúvidas sobre a atuação dos bancos públicos brasileiros e possíveis impactos em suas situações financeiras. Em governos passados, essas instituições concederam mais crédito no sistema, ao contrário de seus pares privados. Neste podcast, Esin Celasun, analista dos bancos federais brasileiros, é a entrevistada de Claudio Gallina, head da área de bancos da Fitch no Brasil e na América do Sul. Entre outros pontos, eles discutem os seguintes tópicos:

- Utilização dos bancos públicos por parte do governo e ingerência política;

- Situação da capitalização dos bancos públicos atualmente;

- Desafios relativos a qualidades de ativos e da carteira de crédito dessas instituições, dado o atual ambiente operacional.

Contacts

Brasil

Rafael Guedes

Diretor-executivo

Fitch Ratings Brasil

55-11-4504-2608

Brasil

João Ribeiro

Acesso ao Conteúdo Premium

Fitch Solutions Latam

55-11-3957-3662